sexta-feira, dezembro 07, 2007

'Synchronicity'

A faixa-título do quinto e último álbum de estúdio do The Police (editado em 1983) foi batizada dessa forma em referência ao conceito desenvolvido pelo suíço Carl Jung [foto] - considerado um dos maiores psiquiatras do mundo - para definir “acontecimentos que se relacionam não por relação causal [como em uma simples coincidência], mas por relação de significado”. A sincronicidade é também chamada por Jung de “coincidência significativa”.

Muitos acreditam que a sincronicidade é “reveladora” e necessita de uma compreensão. E essa compreensão poderia surgir espontaneamente, sem nenhum raciocínio lógico. A esse tipo de entendimento instantâneo, Jung dava o nome de “insight”.

2 comentários:

moraes disse...

Ótimo blog,

Passei a tarde lendo os teus artigos.

Chico realmente é foda.

abraços.

Tom Neto disse...

Muito obrigado, Moraes. Esse tipo de feedback é sempre gratificante.

E você tem razão: o Chico realmente é foda. ;)

Grande abraço.